O “Parque de Campismo” da Costa da Caparica

“Ondas de quatro metros invadem parque de campismo da Caparica” – pode ler-se na edição de hoje do Jornal de Noticia.

Ontem, até “Marques Mendes visitou Costa de Caparica” para aproveitar toda a máquina mediática montada em volta do Parque de Campismo.

A verdade é que estou completa e absolutamente farto de ouvir falar do “Parque de Campismo” da Costa da Caparica.
Estou careca de ouvir noticiar que o INAG está a reconstruir o castelo de areia que protege o parque e que vai ser, seguramente, esta noite que o mar vai levar aquela barracada toda! Irra…!
Fonix… é um parque de campismo… não mora lá ninguém.

Um parque de campismo é um espaço que dispõe apenas de estruturas (sanitárias e outras) de apoio à ocupação temporária do local.Em princípio, as instalações (assim são chamadas as tendas, rolotes e auto-caravanas) não têm carácter permanente. São removíveis.

Então, porque é que os excelsos campistas não retiram as suas instalações para local seguro?!?!

Agora, quem vê as imagens aéreas diariamente transmitidas pela TVI apercebe-se que aquilo já pouco tem de parque de campismo. Mais parece um campo de concentração com barracões rectangulares, todos iguais, perfeitamente alinhados e apinhados uns contra os outros…


Era uma obra de caridade que o mar limpasse a costa de mais esse escarro que, se devidamente inspeccionado, ninguém vai admitir ter licenciado…

Posted by JooGoo
quarta-feira, março 21, 2007
 

9 Comments:

  1. Carlos Gonçalves said...
    "Ontem, até “Marques Mendes visitou Costa de Caparica” para aproveitar toda a máquina mediática montada em volta do Parque de Campismo."

    E sabes porquê? Ele tinha um tempo livre e.... Tens a explicação aki...
    http://axpzo.wordpress.com/2007/03/21/o-porque-da-visita-de-mm-a-caparica/
    M&S said...
    Axxo k preçizo d'óklos pra perçever milhore istu, pra k hadhem us pulitíkux piorkuparse cu...park du xampixmu? hum...
    Kaixas said...
    O mal é que os parques de campismo pouco ou nada servem para os verdadeiros campistas, que andam de tenda às costas (também pode ser com a roulote atrelada ao carro ou auto-caravana) cada ano em sítio diferente.

    Estes parques que têm estas roulotes fixas, que já devem ter cimento a prendê-las e canalização e água e etc, são pequenos bairros de casas de férias e fins-de-semana, ocupando o espaço de quem quer viajar mais barato acampando.

    Também ainda não percebi porque lhe chamam "Parque de Campismo de Lisboa", se aquilo fica na Costa da Caparica... É o mesmo que fazer um parque de campismo na Póvoa de Varzim e chama-lo de "Parque de Campismo de Braga"...
    JooGoo said...
    Ora agora é que estás – kaixas - a chegar ao cerne da questão.
    Aquilo é um bairro, bem grande, de barracas de férias da malta de Lisboa…
    Em termos construtivos (e tendo algumas um carácter visivelmente permanente) parece-se mais um bairro da lata que um parque de campismo. Só há uma diferença: se fosse a casa de alguém e não a barraca de férias já tinha sido demolida…
    Claro que tudo o que seja destruição, mesmo que sejam tendas, atrai as luzes da comunicação social e, com ela, lá vêm os políticos para apanhar a onda – Carlos Gonçalves.
    O Embaixador said...
    Então, a malta que anda a recibos verdes e o Zé Povinho tem de ter uma casa de férias de acordo com as suas posses. Não têm as pensões que a malta trabalhadora como os nossos políticos e gestores têm. Esses podem dar-se ao luxo de irem de férias para os hoteis e para os destinos que querem.
    É lindo o nosso Portugal!
    Peste said...
    o problema é q t enganas!!

    garanto-te que existem pessoas a morar neste parque de campismo.

    é curioso... mas verdadeiro
    JooGoo said...
    Não discuto que possa lá morar gente, pelo aspecto de bairro que apresenta é bem possível.
    Por outro lado, o parque é certamente o posto de trabalho de alguém, que pode ficar no desemprego se este for pela água abaixo.
    Mas o que parece que ninguém vê é a aberração que se construiu junto á costa, sob a desculpa de se tratar de um parque de campismo.
    Licenciar um parque de campismo junto à costa, sim… tudo bem.
    Permitir que este fique apinhado de construções de carácter permanente, não…
    Gastar milhões de euros para defender essa barracada do avanço do mar, nunca…
    toma lá Fresquinho said...
    "Permitir que este fique apinhado de construções de carácter permanente, não…
    Gastar milhões de euros para defender essa barracada do avanço do mar, nunca…"

    nem mais nem menos!

    e é uma coisa que não compreendo por esses campings pelo pais fora, como é possível deixar montar aquelas barracas horrorosas, inestéticas!

    ainda para mais porque depois a rapaziada acha que é dona do parque porque tem lá lugar cativo!!
    Anónimo said...
    Helo ! Forex - Работа на дому на компьютере чашкой чая нравится ситуация стала независимой, достаточно зарегистрироваться forex [url=http://foxfox.ifxworld.com/]forex[/url]

Post a Comment